segunda-feira, 23 de junho de 2008

E agora? Uso ou não a crase?


Esse é o dilema de várias pessoas: “e agora, uso ou não o acento indicador de crase nesta frase?”.
A Profª Drª Ana Cristina Fricke Matte, da faculdade de Letras/UFMG e sua equipe do projeto Texto Livre, conscientes desse problema, criaram o site “Exercício de Crases”.
A Equipe de Didática do Texto Livre está empenhada não apenas nesse projeto, mas também em outros exercícios interativos com o objetivo de resolver problemas pontuais de redação, principalmente dos alunos de graduação.
Basta se dirigir ao endereço acima citado e digitar a frase que lhe gerou dúvida.
A atividade funciona da seguinte maneira: ao digitar sua frase, irão aparecer várias alternativas de outras frases e o você deve identificar se alguma delas tem o sentido que deseja e é aceitável para os falantes da língua.
Esta atividade não tem como resposta o certo ou o errado, e nem tão pouco a regra gramatical correspondente. O objetivo do jogo é provocar reflexão diante das opções e ativar a consciência do significado do acento, que muitos só conhecem pela “decoreba”. Sendo assim, o propósito da Equipe é tornar o escritor ativo e consciente.

Por ser ainda um protótipo, esse exercício não se encontra completo, por isso está na versão Beta (versão de teste). A equipe está estudando a crase para achar bugs no programa. A exemplo de falhas a serem ainda resolvidas nesse projeto são os casos em que o acento indicador de crase é facultativo, ou seja, pode ou não ser usado.
Outro problema é que não há unanimidade entre as gramáticas sobre como tratar a crase. Elas se divergem muito quanto às regras gramaticais. E por falar nesse assunto, é importante ressaltar que esse fato traz à tona uma questão fundamental para a gramática tradicional: se não existe uma gramática que dê conta de tudo, que seja unânime, como podemos falar em gramática tradicional? O que seria, então, tradicional?
Esse programa está disponível no Sourceforge para download. Se encontrarem falhas, frases-problemas, bugs, podem relatá-los no nosso TextoLivre/Wiki (É necessário fazer cadastro).
A Equipe agradece quaisquer sugestões, pois o Texto Livre é um projeto aberto!

Por Stella Almeida Moreira

5 comentários:

Fátima disse...

Oi, Danny;
seja bem vinda ao grupo.Vai ser muito bom ter você por la´.E obrigada pelo link para o Congresso.
Bjs

Lilian disse...

Gostei do blog!
Vou linkar no meu.
abço
Lilian

Jenny Horta disse...

Legal seu espaço! Já coloquei nos favoritos. Não sabia que o texto livre também tem um wiki! Vou incluir na pesquisa que estou fazendo, Valeu!

Daniervelin Pereira disse...

Oi, colegas,

Muito obrigada pelas visitas. Na medida do possível, deixem o endereço do blog de vcs para eu linkar no meu, ok?

Abrs,
Dani

Roseli Venancio Pedroso disse...

Parabéns pelo blog. Gostei e já vou linkar no meu.
Bjs